O levantamento foi encomendado pela Associação Comercial do Estado, e ouviu 1,2 mil pessoas entre os dias 11 e 16 de novembro

Pesquisa realizada pelo instituto Serpes aponta que o senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) é o favorito do eleitorado para ocupar o cargo de governador no vizinho Estado de Goiás. Os números foram obtidos após consulta a 1,2 mil pessoas, acima de 16 anos, entre os dias 11 e 16 de novembro. A margem de erro máxima é de 2,83 pontos percentuais para mais ou para menos nos dados da amostra global. A pesquisa foi encomendada pela Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Goiás (Acieg).

De acordo com o levantamento, caso as eleições fossem na data da pesquisa, Caiado sairia vencedor entre as respostas espontâneas, com 7,1% dos votos válidos. Em segundo lugar, ficaria o atual vice-governador do Estado, José Éliton (PSDB-GO), com 1,5% do total dos votos válidos. Em terceiro, ficaria o deputado federal Daniel Vilela (PSDB-GO), com 1,2%. As respostas espontâneas são aquelas em que o pesquisador não fala o nome de possíveis candidatos.

Nas respostas estimuladas com cartela, quando são sugeridos nomes de alguns possíveis candidatos, as intenções de voto para Ronaldo Caiado são ainda maiores.  Neste caso, se as eleições fossem realizadas entre 11 e 16 de novembro, o senador do DEM teria 39% das intenções de votos. Bem à frente do segundo colocado, Daniel Vilela, que foi citado por 9% dos eleitores ouvidos. Mesma situação de liderança ocorre quando aplicadas as demais cartelas com nomes de possíveis candidatos.

O instituto Serpes trabalhou ainda com a possibilidade de haver segundo turno. Nesse caso, se a disputa fosse entre Ronald Caiado e José Eliton, os votos válidos elegeriam o senador do DEM com 50,8%, de modo que o vice-governador goiano ficaria com 10,6%. Se a decisão fosse entre Ronaldo Caiado e Daniel Vilela, os números seriam 47,6% e 14,2%, respectivamente. A pesquisa trabalhou ainda com um suposto segundo turno sem o senador do DEM de Goiás Ronald Caiado. Neste caso, Daniel Vilela ficou com 28,7% e José Eliton, com 13,8.

Um segundo turno com Ronaldo Caiado e José Vitti ampliaria a vitória do senando goiano, que ficaria com 52,2% dos votos válidos, contra 7,8% do deputado estadual do PSDB do mesmo estado.

A pesquisa também traz o índice de rejeição de possíveis candidatos ao governo de Goiás. Neste caso, os eleitores consultados apontam como mais citado, entre aqueles em quem não votariam em hipótese alguma, o advogado Djalma Rezende, com 28,2%. José Éliton é o segundo, com 27,6%. Otávio Lage tem 25,7%; Daniel Vilela, 25,4%; José Vitti, 23,2%. Dos nomes expostos aos entrevistado, Ronaldo Caiado figura como que tem menor rejeição, com 22,4%.

DEIXE UMA RESPOSTA